segunda-feira, 8 de junho de 2015

Beleza a que preço ??

  Oi gente bonita !!! Tudo bem ??
  Hoje eu vim conversar com vocês sobre um tema que foi bastante comentado principalmente do mês de dezembro (de  2014) para cá pelo fato de uma pessoa bem conhecida, Andressa Urachi, ter tido problemas com isto: o uso de hidrogel para aumentar o volume das coxas.

  Para quem não sabe o hidrogel é um gel (o nome já diz rsrs) que apresenta em sua composição 98% de água e 2% de poliamida, ou seja semelhante ao plástico.
  O hidrogel teve seu uso regulamentado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 2008, mas lembrando que as duas empresas brasileiras que o fabricam não têm permissão para comercializá-los por problemas de regulamentação. A marca registrada na Anvisa que pode ser utilizada chama-se Aqualift.
  Apesar de liberado pela Anvisa, a FDA (Food and Drugs Administration), que é um orgão americano que regulamenta alimentos e medicamentos não o aprova. Já é um ponto para se pensar se realmente deve ser utilizado.
  O hidrogel é recomendado para o preenchimento de áreas como pescoço e rosto para corrigir pequenas cicatrizes, deformidades da pele e amenizar rugas e flacidez no local.O que se tem visto são os pacientes usando do procedimento para preencher áreas maiores como a coxa e o bumbum, porém por se tratar de áreas grandes possui um risco bem maior.
  O hidrogel é colocado através de uma microcânula entre o subcutâneo (região abaixo da pele) e a fáscia muscular (tecido que envolve os músculos) no local em que o paciente quer o aumento do volume. É um procedimento cirúrgico, que necessita de anestesia local e deve ser feito em um centro cirúrgico para que se ocorra alguma complicação tenha algo a ser feito, e deve ser realizado por um cirurgião plástico ou dermatologista.
  Os riscos que envolvem o hidrogel variam de que a substância ao se espalhar pelo corpo seja reconhecida pelo organismo como um corpo estranho, podendo causar um quadro inflamatório, reação alérgica, endurecimento do tecido com formação de nódulos, deformidades, imperfeições, infecções localizadas ou sistêmicas, necrose (morte do tecido), problemas circulatórios como embolia pulmonar e até mesmo óbito. Estes efeitos colaterais na maioria das vezes demoram a se manifestar, podendo levar até 15 anos para aparecerem.
  Ao invés de ter a chance de todos os efeitos colaterais descritos acima pode-se optar por utilizar uma prótese de silicone, utilizar a própria gordura do paciente ou ácido hialurônico para realizar preenchimentos. Estes procedimentos são muito mais seguros e também levam ao efeito desejado.


Deem uma olhadinha nas complicações apresentadas pela Andressa Urachi, que realizou o procedimento de lipoaspiração para retirar hidrogel de seu corpo:
  Aí nos perguntamos será que vale mesmo a pena pagar este preço para ter o corpo perfeito ?? O que vocês acham meninas ??
  Espero que tenham gostado !!!

     Beijo beijo

6 comentários:

  1. Eu não faria! Tenho muito medo dessas coisas! rsrsrs
    Adorei o post!
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  2. Nossa que perigo usar isso; acho que nao vale a pena.

    ResponderExcluir
  3. Olá, seu post foi divulgado no Turbonauta, fique a vontade para enviar links diariamente, até mais!

    ResponderExcluir